Gastronomia
 
A dieta mediterrânica foi distinguida pela UNESCO, em Dezembro de 2013, com o estatuto de Património Imaterial da Humanidade. Apesar de abranger vários países com ementas diversificadas em cada país e entre cada um deles, a dieta mediterrânica é uma herança cultural de todos os povos da Região Mediterrânica que se caracteriza por um padrão alimentar comum, favorável ao consumo abundante de alimentos de origem vegetal, frutos secos e oleaginosos, pescado e produtos frescos pouco processados e de época, azeite como fonte de gordura principal, consumo baixo a moderado de laticínios e carnes vermelhas e consumo moderado de vinho, principalmente às refeições. A dieta mediterrânica não é uma dieta no sentido estrito da palavra, mas um estilo de vida que privilegia a agricultura sustentável e o respeito pelo meio ambiente, através do consumo de produtos que conferem níveis elevados de qualidade de vida.
 
 
Incluído na tradição mediterrânica, o Portal da Alameda alvarinho acompanha bem pratos saudáveis, não apenas da cozinha tradicional da região minhota, mas também da gastronomia internacional, como sushi, pastas italianas e paelhas, entre outros pratos. É também um aperitivo de excelência.